Prefeitura de Muriaé pede que moradores deixem suas casas em áreas de alagamento
11/03/2018 10:24 em Notícias da Zona da Mata

 

Por LUCIANA ARCHETE

Jornalista MG19681JP

 

 

Prefeitura envia moto-som em bairros com risco de alagamento e regiões ribeirinhas para evitar que percam documentos importantes, móveis e outros bens.

O aviso de que deixem suas casas foi solicitado pela Defesa Civil para evitar danos maiores por parte dos moradores. Segundo o pessoal que está nas ruas olhando locais em risco iminente de inundação o problema é sério e a previsão é de que, se chover mais na cidade é possível que algumas ruas e locais fiquem embaixo d’água e casas ilhadas.

O apelo da defesa civil é para que pessoas evitem correr risco desnecessário ficando em suas casas. Perder bens é triste e ruim, mas pior é perder vidas, por esta razão é que o pedido para que deixem as residências está sendo feito logo nas primeiras horas deste domingo.

O risco de inundação dos bairros ribeirinhos é enorme e todo esforço está sendo feito.

Além da Defesa Civil o Corpo de Bombeiros e até a Polícia Militar estão sendo acionados pela prefeitura para que atuem caso seja necessário.

Deixar o imóvel agora é uma questão de prevenção. Retirar itens e bens importantes como documentos e medicamentos, fundamental.

Várias cidades da região da Zona da Mata já sofrem com inundação e moradores perderam bens móveis, roupas e utensílios. Para evitar estes danos é que a prefeitura, através da defesa Civil, está lançando o alerta.

 

Cidades atingidas

 

Eugenópolis foi a primeira na região a enfrentar o drama de enchente e inundação. Outros municípios como Ervália e Ubá também estão enfrentando dificuldades neste final de semana.

 

Defesa Civil de Muriaé

 

A população pode entrar em contato com o órgão pelos telefones 199 e 98826-9846.

A utilização desta reportagem requer citação de fonte.

COMENTÁRIOS